Nordeste: Lula inicia Caravana para defender legado e denunciar desmontes de Temer

Em Salvador

Primeiro destino será Salvador (BA); viagem vai até 5 de setembro com o objetivo de avaliar políticas dos últimos anos

Juliana Gonçalves |
Ex-mandatário receberá diversas homenagens ao longo do percurso, que será feito, a maior parte dele, de ônibus Ricardo Stuckert

“Vou perfazer por volta de 50 a 60 cidades, parando em cada cidade, discutindo o problema de cada cidade, visitando os lugares de maior miséria, visitando a casa de companheiros, visitando os bairros mais miseráveis, para que a gente possa de uma vez por todas assumir a responsabilidade de exigir do governo brasileiro um fim na fome que toma conta no nosso país”.

Esse foi o início do discurso do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em 1992, quando ele iniciou as Caravanas da Cidadania, que ajudaram a construir os programas de governo que elegeram o PT nas eleições presidenciais dos anos 2000.

Nesta quinta-feira (17), o ex-presidente volta para a estrada na Caravana “Lula Pelo Brasil” para percorrer os nove estados do nordeste e visitar 28 municípios. A viagem começa em Salvador, na Bahia, e termina dia 05 de setembro, em São Luís do Maranhão.

O Brasil de Fato vai acompanhar todo o trajeto com fotos, vídeos e reportagens diretamente das cidades por onde passará a caravana.

Roteiro


Em Salvador, em seu primeiro dia de caravana, Lula vai de metrô, cujas obras foram iniciadas em seu governo, até a Arena Fonte Nova, onde participa da cerimônia de lançamento da terceira fase do Memorial da Democracia. Em seguida, ele segue para o Recôncavo, onde se reúne com movimentos de defesa da reforma agrária.

Débora Nunes, diretoria nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), ressalta as expectativas a importância de Lula para a região: “Temos a compreensão de que muitos dos programas sociais, as políticas criadas pelo governo Lula e Dilma contribuíram para diminuir a distância entre o desenvolvimento, distribuição de renda e geração de oportunidade entre o Nordeste e o restante do país”. 

Débora se refere a políticas como o Luz para Todos, a ampliação do acesso à educação, o incentivo à agricultura familiar, a realização da ferrovia Transnordestina e o Programa de Cisternas, reconhecido internacionalmente por universalizar o acesso à água no Nordeste.

Segundo Márcio Macedo, vice-presidente do PT e coordenador da caravana, além dos títulos, honrarias e conversas com prefeitos e governadores da região, a caravana tem por objetivo identificar o legado dos governos Lula e Dilma e estimular o espírito de resistência perante os retrocessos atuais promovidos pelo governo golpista de Michel Temer (PMDB).

“Tanto o PT quanto Lula estão imbuídos de levar um pouco de esperança ao povo brasileiro, mostrando que é possível reconstruir um projeto nacional que supere o ódio e a intolerância”, ressalta Macedo. 

Seguindo viagem, na sexta-feira (18), Lula recebe o título de Doutor Honoris Causa na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), em Cruz das Almas, cidade que fica a 150 quilômetros da capital, Salvador. Mais tarde, o ex-presidente será patrono na colação de grau de estudantes da Unilab (Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira), e cujo projeto que vem sendo ameaçado pelas políticas de Temer.

Categorias Sem categoria

Ante la grave situación en Venezuela

El Presidente de Venezuela, Nicolás Maduro, elogió a los venezolanos por la “lección de coraje” y “mayor participación histórica” en las elecciones del domingo a la Asamblea Constituyente.   Editorial Esquerda Online 5-8-2017 Hoy, 5 de agosto, se inician los trabajos de la Asamblea Nacional Constituyente en Venezuela. Sin embargo, los principales países imperialistas no […]